Sindrecauto-MT consegue apoio de base para manutenção da Contribuição Sindical

Sindrecauto-MT consegue apoio de base para manutenção da Contribuição Sindical

O nome é tão grande quanto a vontade de fazer o melhor pelo trabalhador: Sindicato dos Empregados em Administradora de Consórcio, Vendedores de Consórcios, inclusive autônomos, Empregados e Vendedores em Concessionárias, Garagens e Revenda de Veículos, Distribuidora de Veículos e Congêneres do Estado de Mato Grosso (Sindrecauto).

 

E, talvez pela demonstração aguerrida de lutar pelo melhor é que a entidade teve aprovada, em assembleias no mês de março, a manutenção da Contribuição Sindical que foi tornada voluntária na Reforma Trabalhista com vigor desde novembro de 2017. A presidente da entidade, Shirley Maria Camargo de Oliveira, que também é Secretária de Organização e Mobilização da Central dos Sindicatos Brasileiros (CSB) em Mato Grosso e Secretaria Geral da Fenatracon – Federação Nacional dos Trabalhadores em Concessionárias de Veículos, Empregados e Vendedores em Administradoras de Consórcios comemora e avalia que o resultado vem do esforço e mudança de postura sindical que não é o de lamentar e pedir e sim esclarecer e informar ao máximo sua base sobre a importância deste recurso e como ele é utilizado em benefício de todos.
“Acredito que a CS vai voltar pela inconstitucionalidade da reforma trabalhista, Mas, independente disso o sindicato trabalha e mostra a importância da entidade como última camada de proteção ao trabalhador. Fora isso, damos foco nos convênios e na filiação de novos associados. Ao falar das vantagens sempre os trazemos para o sindicato”, relatou Oliveira sobre sua estratégia de trabalho.
Na semana passada ela esteve em visita às empresas de concessionárias onde os trabalhadores souberam a importância do fortalecimento da categoria e o apoio ao sindicato. Na oportunidade foram informados sobre a função da contribuição sindical e que cada trabalhador tem sua responsabilidade perante esse fortalecimento da categoria. “Apresentamos como usamos esse recurso e de qual forma é aproveitada essa contribuição sindical porque muitos trabalhadores não entendem ou sabem o que é feito com o recurso. Esse dinheiro é utilizado para custas mensais que o sindicato tem como: aluguel, energia, telefone, internet, combustível, advogados, custas com processos. E isso é muito importante porque, com a reforma trabalhista, a gratuidade da justiça foi tirada do trabalhador e o direito à ampla defesa e essa reforma veio para sucatear os sindicatos e tirar a última camada de proteção. Portanto, temos que estar preparados”, enfatizou a líder sindical.
Segundo ela, a base entendeu e optou por autorizar o desconto da CS, após ter sido esclarecido como é feita a distribuição porque nem todo o valor fica somente no sindicato, apenas 60% e que esses outros 40% também são importantes porque servem para fortalecer o trabalhador já que são encaminhados às federações, confederações e Centrais que, indiretamente, os ajudam numa esfera maior de governo e políticas públicas, além de uma parte ir para o seguro-desemprego.
Ouvir
Nesses encontros com os trabalhadores da base Oliveira informa que também aproveitou para ouvir demandas, críticas e sugestões e que isso foi importante para esclarecer sobre tudo os trabalhadores tinham de dúvidas. “Nosso sindicato completou um ano agora em janeiro de 2018 e, por isso, precisa de um voto de confiança do trabalhador. Mesmo com esse pouco tempo já visitamos e fizemos muito mais do que o sindicato anterior que era generalista por ser o sindicato do Comércio”, esclareceu a presidente.
Ela disse ainda que, por questões de custo não teve ainda como ir para o interior fazer essa agenda de atendimento, então, começou pela Capital, que é onde o Sindrecauto está situado. O reconhecimento da importância da entidade vem também pelo fato de as empresas terem aberto espaço para essa conversa com a base. Com isso, tem conseguido, aos poucos, chegar a esses trabalhadores e demonstrar a necessidade dessa manutenção anual e de fazer parte de um sindicato.
Esses encontros com os trabalhadores, além de ajudar na manutenção do custeio sindical são bons por ajudar no esclarecimento e adesão de novos filiados com maior facilidade de aprovação da taxa de associação assistencial, em razão aos benefícios que são oferecidos a eles. “Hoje o Sindrecauto está em parceria com várias empresas. Fechamos com a Economy Brasil, MasterClin, várias escolas e faculdades de nível local e, dependendo da plataforma Masterclin até 50% de desconto em faculdades e escolas, inclusive escolas de Cáceres, Rondonópolis e Sinop. Também fechamos o convênio com o cartão de crédito consignado em folha e o último e que agradou a todos os trabalhadores, foi a parceria que fizemos com agencia de viagem onde os trabalhadores vão poder adquirir seu pacote de turismo sem pesar no bolso porque poderão parcelar em até 12 vezes sem juros com o desconto em folha”, lembrou.
Sindrecauto
Fundado em 2012, mas somente teve a Carta Sindical liberada em 2017, ocasião que adentrou à CSB/MT e posteriormente se juntou aos sindicatos de outros estados para fundarem a Fenatracon. Trabalho e disposição, pelo entusiasmo da presidente, não vão faltar!


Imprimir   Email